Télemóvel Maldito

POSTADO POR: admin seg, 02 de junho de 2008

Meu celular decidiu me dar um susto,…por cerca de 20 minutos ele simplesmente se negou a ligar. PÂNICO! Comecei a imaginar minha vida sem esse aparelho do “Demo”,….acho que por instinto meu cérebro rapidamente começou a se adaptar a situação incômoda que seria minha vida social sem o “Telemóvel” como se diz em Portugal. Eu teria que mandar mails a todos da minha lista (que interessasse) que eu estava totalmente incomunicável na ilha de Lost. E as pessoas que ligassem nesse meio tempo? Do jeito que a minha família é paranóica, de certo decretariam a minha morte antes mesmo de apurar os fatos,…só porque a merda do celular daria como desligado ao ligarem. Não atender tudo bem, pode estar ocupado…mas desligar o celular é um crime federal pra eles,…chamem o BOPE!

Eu nasci ainda na época da ditadura, fui geração cara pintada,…das antigas,…eu vi Super-máquina e Esquadrão Classe A, anos 80,…saca? E agora estava rendido por 10 cm de plástico e metal? Em qual ponta da minha vida que isso ocorreu que eu não vi?
Informo que a recuperação do paciente foi dramática e complicada,… mas o “personal maldito´s fone” está funcionando como antes no quartel de Abrantes, ou seja,…totalmente meia-boca.

COMENTÁRIOS




OBS. O campo de e-mail é de preenchimento obrigatórios, mas uma vez preenchidos não será mostrado na mensagem. Já o campo de nome é obrigatório, mas pode ser preenchido com um pseudônimo.

7 Pessoas já Comentaram

  1. Sem celular eu até vivo, mas sem internet NÃOOOOOO …rsrsrs

    bjs

  2. O integrante da geração cara pintada se rendeu aos encantos do CAPETAlismo.. asahsuhsia
    normal, normal… quem não se rendeu que atire a primeira pedra ora bolas…
    ¬¬
    =]

    =*

  3. Anônimo disse:

    Esses aparatos eletrônicos viciam, eu não sou da sua geração e não vivi esses momentos (seria até interessante, mas prefiro assim). Na questão do celular eu não sou tão “apegada”, tanto que, só fui trocar de aparelho por um mais moderno porque o meu namorado resolveu me dar um de presente, pois segundo ele “não agüentava mais ver aquela carroça”, agora o meu celulite já está desatualizado (vive dando pane, vive desligando sozinho) e não tenho menor vontade de comprar outro, nem se for um “baratinho”. Mas por um lado, fico pensando na minha mãe, que vive preocupada e tal, e o celular para ela é uma fonte inesgotável de contato comigo, coisas de mãe.
    Nesse mundo tecnológico, uma coisa que talvez, eu não conseguiria ficar é sem meu computador e internet, isso me deixaria isolada.
    No resto eu vou levando como posso.

  4. Mary West disse:

    Celular p/ mim é desejo de assaltante e meio eficaz dos meus pais me acharem. Viveria sem um fácilmente, mas tem que se dançar conforme a música naum é?

    OBS: Blog inteligente e divertido. Voltarei mais vezes. 😉

  5. Ei sabia que senti saudade de você, esses dias todos sem falar por 100 vezes ao dia…
    tens me viciado maldito.
    Bom fico feliz que seu celular esteja funcionando de novo, porque é foda ficar isolado sem telefone…hehehe não desligo o meu também, as vezes.
    enfim, nossa cerveja vai rolar uma hora dessas. O dia dos namorados tá chegando e vamos fazer o tal churrasco né, acho que sim.
    enfim boa terçaq, boa semana.
    beijosss

  6. Olha do jeito que eu gosto de viver longe de telefones de todos os tipos, não sentiria muita falta! eheheh

    Beijos

  7. Dany disse:

    Eu tb sou da mesma época que vc, hehehehe… de Magaiver (nem sei mais se escreve assim) pra lá!!=D
    E realmente eu fico impressionada como a gente se deixa guiar por aparelhos eletro-eletrônicos. Eu piro sem meu cel tb, fico perdida, sem contato com o mundo!!
    Sou capaz de voltar em casa, se eu sair e esquecê-lo, até postei sobre isso outro dia, hahahaha. Então, vc pode considerar-se normal, pois com crtza, não é o único!
    Bjs